quarta-feira, 20 de setembro de 2017

VEJA O DEPOIMENTO DA ASSASSINA

Mãe e filho são mortos a facadas pela vizinha em Perobal

O alvo, segundo a criminosa, era o marido da vítima

Mulher confessou o crime (Foto: Reprodução / Umuarama News 

* Com informações do Umuarama News
Um assassinato na tarde desta terça-feira (19) chocou a cidade de Perobal, noroeste do Paraná. Uma mulher de 38 anos, matou a facadas a vizinha e filho dela, de 5 anos. O alvo, segundo a criminosa, seria o marido da mulher, que não estava em casa no momento do assassinato.
Em um primeiro momento, a mulher tentou convencer os policiais que o crime teria sido cometido por dois assaltantes, mas foi desmentida momentos depois.
Já detida, ela confessou o crime, e disse que foi à residência das vítimas decidida a matar o marido da vizinha por não gostar dele. Outra criança, de 1 ano, também estava na casa, mas nada sofreu.
Assista à matéria completa. Cuidado, imagens fortes:

SETOR POLICIAL

Casal é assassinado dentro de casa no Boqueirão

No local estavam também dois técnicos de uma empresa de TV a cabo, que presenciaram o acontecimento

Os criminosos aproveitaram que o portão estava aberto para matar o casal (Foto: Tiago Silva)
Um homem encapuzado invadiu uma residência e matou um casal, no bairro Boqueirão, no fim da manhã desta quarta-feira (20). As vítimas eram Ricardo Cordeiro, de 32 anos, e Juliana Matos, 25. O filho do casal que também estava no local foi poupado.
No local estavam também dois técnicos de uma empresa de TV a cabo, que presenciaram o acontecimento. Os corpos foram recolhidos pelo Instituto Médico Legal. A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa investiga o caso.

VEJA ESSA NOTICIA

Túmulo de mulher é violado no Cemitério Municipal do Boqueirão

O corpo foi encontrado jogado para fora do caixão e sem roupas

Corpo foi encontrado jogado para fora do túmulo (Foto: Tiago Silva)
O túmulo de uma mulher de 59 anos, enterrada na noite de terça-feira (19), no Cemitério Municipal do Boqueirão, foi violado na madrugada desta quarta-feira (20).
De acordo com a Guarda Municipal, o corpo foi encontrado por funcionários do cemitério, jogado para fora do caixão e sem roupas, indícios que podem apontar um caso de necrofilia. A GM levou o corpo para exames.

REFLEXÃO

Que esta noite seja uma noite de descanso preparada por Deus para cada um de nós.


Evangelho segundo S. Mateus 9,9-13.



Naquele tempo, Jesus ia a passar, quando viu um homem chamado Mateus, sentado no posto de cobrança dos impostos, e disse-lhe: «Segue-Me». Ele levantou-se e seguiu Jesus. 
Um dia em que Jesus estava à mesa em casa de Mateus, muitos publicanos e pecadores vieram sentar-se com Ele e os seus discípulos. 
Vendo isto, os fariseus diziam aos discípulos: «Por que motivo é que o vosso Mestre come com os publicanos e os pecadores?». 
Jesus ouviu-os e respondeu: «Não são os que têm saúde que precisam do médico, mas sim os doentes. 
Ide aprender o que significa: ‘Prefiro a misericórdia ao sacrifício’. Porque Eu não vim chamar os justos, mas os pecadores». 

OPERAÇÃO SEM FILTRO - LONDRINA

Operação desmonta quadrilha de falsificação de cigarros e prendeu até a dupla Fábio e Rafael
MAIS DETALHES - Uma grande quadrilha de falsificadores de cigarro foi presa nesta quarta-feira (20 de setembro) durante a Operação Sem Filtro, deflagrada pelo Núcleo de Repressão a Crimes Econômicos (Nurce) da Polícia Civil do Paraná. A ação policial aconteceu em quatro estados: Paraná, São Paulo, Minas Gerais e Bahia. Foram descobertas duas fábricas clandestinas que produziam os cigarros falsificados. Treze pessoas foram presas e três são consideradas foragidas. Em 19 mandados de busca foram apreendidos uma BMW, o ônibus usado por uma dupla sertaneja de Londrina, celulares e documentos que serão analisados, dando sequência ao trabalho policial. De acordo Nurce, que conduziu as investigações durante um ano, o chefe da quadrilha foi denunciado pelo Ministério Público Federal em 2000 pelo crime de contrabando depois de ser preso com várias caixas de cigarros contrabandeadas do Paraguai encontradas dentro de sua Kombi. “É uma fraude milionária, o potencial financeiro dessa quadrilha é enorme. Esse homem preso hoje como líder da organização foi preso em 2000 com uma mula de contrabando, uma Kombi de cigarros. Hoje em dia ele é dono de um império, são duas fábricas e duas gráficas”, afirmou o secretário da Segurança Pública e Administração Penitenciária, Wagner Mesquita Mesquita ressaltou a parceria com outros órgãos de segurança. “O Nurce, através e uma equipe altamente treinada e especializada em crimes de lavagem de dinheiro e crimes financeiros, trabalhou muito próximo da Receita Federal, com os órgãos de inteligência da Receita, e conseguiu identificar o modo de trabalho, o caminho do dinheiro e o modus operandi da quadrilha. Hoje, só em apreensões, temos a perspectiva de quase R$ 20 milhões em bens”, completou. As investigações demonstram que o líder do grupo criminoso parou de contrabandear cigarros do Paraguai e passou a produzir em território nacional, eliminando assim o produtor e intermediários, aumentando significativamente seus lucros. Toda estrutura para a fabricação era feita pela organização, desde a compra da matéria-prima, a falsificação dos papéis, a fabricação dos cigarros e o transporte do produto final. “A Estimativa é de que apenas uma máquina produza 10 mil maços por dia. Sendo assim, a estimativa é de que a sonegação de tributos federais seja de R$ 90 milhões ao ano. A receita vai levantar o patrimônio localizado nas buscas e a ideia é garantir esse crédito tributário e reaver um pouco do dinheiro arrecadado”, explicou a auditora fiscal da Receita Federal de Minas Gerais, Viviane Lopes Franciscani. A quantidade de máquinas ainda está sendo apurada. De acordo com o delegado do Nurce, Renato Figueiroa, a quadrilha era basicamente dividida em três núcleos: o da fabricação do cigarro, que ficava inicialmente na Bahia e depois se transferiu para Minas Gerais; o das gráficas, concentradas em São Paulo; e o da lavagem de dinheiro, em Londrina. O chefe do grupo era a única pessoa que tinha ciência de toda logística. “Um ano de investigações onde conseguimos comprovar que esse homem, ex-morador de Londrina, é o líder de uma grande organização criminosa que possuía gráficas no estado de São Paulo, onde são confeccionados os papéis e plásticos para a montagem dos maços de cigarros”, explicou Figueiroa. Em Minas Gerais, acrescenta, eles montaram duas fábricas clandestinas onde falsificavam os cigarros paraguaios e posteriormente distribuíam para o país. As investigações apontam que os recursos ilícitos eram lavados por intermédio da empresa F&R produções artísticas, a qual agencia uma dupla sertaneja em que um dos cantores é filho do chefe da quadrilha. Dez paraguaios trabalhavam de forma irregular nas fábricas clandestinas. IMPÉRIO - Se no papel os bens eram escassos, na prática o líder do grupo levava uma vida luxuosa e detinha um patrimônio milionário. A residência em que ele mora e onde foi preso fica em um condomínio de alto padrão na cidade de Santana do Parnaíba, interior de São Paulo. A casa está avaliada em mais de R$ 3 milhões. Outro exemplo do poder financeiro da quadrilha foi a compra de seis terrenos em um condomínio de luxo em Londrina. Em um único dia, 17 de novembro de 2015, o líder do grupo comprou os imóveis por R$ 6,5 milhões. O pagamento foi feito em dinheiro. A Operação Sem Filtro, que aconteceu em dez cidades de quatro estados do país, reuniu mais de 100 policiais, além de 31 fiscais da Receita Federal. Participaram da ação policiais civis do Nurce, do Cope, do Tigre, Nuciber, da DFR, e da subdivisão de Londrina, além da Polícia Civil de São Paulo, com apoio do GOE (Grupos de Operações Especiais), da Bahia e de Minas Gerais.

CRUZMALTINA

MAIS INFORMAÇÕES DE LUNARDELLI

Vigilância Sanitária apreende mais de mil queijos em Lunardelli

No total foram apreendidos 520 quilos de queijo. Os produtos foram descartados em um aterro sanitário do município
Mais de mil queijos foram apreendidos pela Vigilância Sanitária e Polícia Militar (PM) nesta quarta-feira (20), em Lunardelli. Os produtos eram transportados em situação totalmente irregular e sem condições sanitárias para consumo, em uma caminhonete e teriam sido produzidos em São Paulo. Segundo a PM, o responsável pela comercialização dos queijos não tinha documentação exigida para comprovar a origem, qualidade e segurança. Mais detalhes na sequência. No total foram apreendidos 520 quilos de queijo. Os produtos foram descartados em um aterro sanitário do município. Informações da Tribuna do Norte.

GREVE

Dos Correios paralisa 6,5 mil funcionários no PR

TRIBUNA - Seis mil e quinhentos funcionários dos Correios cruzaram os braços nesta quarta-feira, no primeiro dia de paralisação da categoria. A estimativa é do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios do Paraná (Sinticom) que aponta uma adesão de 70% dos funcionários. Na região Norte do Estado, entretanto, a adesão foi mais tímida e novas assembleias serão realizadas. Em Arapongas, segundo o sindicato, dos 40 funcionários, 15 aderiram à greve nesta quarta-feira. Em Apucarana, que também tem cerca de 40 trabalhadores, apenas um aderiu ao movimento. Segundo o diretor regional do Sinticom, Cristian Felipe Pires, a adesão na região deve aumentar após a realização de uma nova rodada de assembleias previstas para ocorrer nesta quinta-feira em Londrina. “Na nossa região, muitos funcionários optaram por esperar uma nova proposta da empresa, mas as negociações já foram encerradas nacionalmente”, comenta. Os funcionários dos Correios querem 8% de reposição da inflação cuja data-base deveria ter sido efetivada no dia 1º de agosto. Também exigem a manutenção dos benefícios conquistados no último acordo coletivo. Os trabalhadores são contra o fechamento dos bancos postais, que por determinação da direção da ECT atingem 412 agências no Paraná. “Queremos também a garantia que os Correios continue público porque prestamos um importante serviço à população”, comenta.

SETOR POLICIAL

Adolescente que se matou enviou foto com a corda no pescoço a amigos e deixou bilhete com sangue


O adolescente M.F., de 16 nos, que de forma trágica colocou fim à própria vida, se enforcando na área de serviço de sua casa, na Rua José Geraldo de Souza, na Vila Candeias, mandou mensagens para amigos em tom de despedida e se desculpando. O sinal mais emblemático de que iria se matar foi uma foto, que encaminhou para alguns amigos, já com a corda no pescoço. Os amigos entraram em contato com os pais do adolescente, mas quando eles chegaram à casa já encontraram o filho morto. O pai retirou a corda do pescoço, deixando-o no chão. Perto do corpo havia duas lâminas de barbear e um bilhete, supostamente escrito com sangue, onde dizia “Me Perdoem”. M.F. tinha mudado de escola recentemente, saindo do Colégio Polivalente e indo para o Premen II. A sua morte precoce chocou aos colegas e professores, que não entenderam o que o levou a cometer o ato extremo. O corpo de M.F. foi recolhido pela equipe do Instituto Médico Legal de Campo Mourão e o velório deve ser realizado na manhã desta quarta-feira. Fonte: Goionews

SETOR POLICIAL

Na madrugada desta quarta-feira (20) um homicídio foi praticado em Rolândia. O crime aconteceu na Rua Granada, Vila Oliveira.

A vítima foi identificada no local pela Polícia Militar. Trata-se de Ronaldo Aparecido de Moraes Ventura, 26. O rapaz foi encontrado caído no asfalto com um tiro na nuca. 

Momentos depois de constatar o homicídio, uma outra equipe da PM foi até a Rua Jasmim, Jardim Novo Horizonte, e encontrou um adolescente ferido a golpes de facão. O rapaz apresentava ferimentos na cabeça e no braço. O SIATE esteve no local e encaminhou o rapaz ao hospital. 

Segundo a polícia, esse adolescente informou que foi ferido pelo próprio tio, Ronaldo Aparecido de Moraes Ventura, encontrado morto na Vila Oliveira.

Reportagem: Guilherme Spanguemberg/GRUPO DE WHATS - REPÓRTER DA HORA

PARANÁ

Governo Richa vai gastar até R$ 120 milhões com publicidade até setembro de 2018

O governo do Paraná anunciou nesta terça em Diário Oficial que poderá gastar até R$ 120 milhões entre setembro deste ano e setembro de 2018 com publicidade. O contrato vence menos de um mês antes das eleições do ano que vem. O valor será dividido entre as várias agências que venceram a última licitação da Secretaria de Comunicação.

O valor, segundo cálculo do Livre.Jor, equivale a R$ 328 mil por dia. É o equivalente à construção de 60 creches, com vagas para 150 crianças cada. O valor também é equivalente a tudo que o governo conseguiu tirar de lucro da Copel em 2017, depois de aumentar de 25% para 50% a distribuição de lucros da companhia.
Os R$ 120 milhões, por se tratar de ano eleitoral, têm de respeitar obrigatoriamente a média de gastos com publicidade que o governo vem fazendo nos últimos anos – a lei proíbe um aumento acentuado na véspera do período eleitoral.
Isso significa que o governo do Paraná pretende encerrar o segundo mandato de Beto Richa com aproximadamente R$ 480 milhões investidos em propaganda, pelo menos. Em 2016, entre janeiro e dezembro, a gestão estadual gastou R$ 131 milhões com publicidade institucional, por exemplo.
Curiosamente, no segundo mandato de Richa, em que o governador apertou os cintos e tanto reclamou de falta de dinheiro, o governo vem gastando muito mais em publicidade, na comparação com seu primeiro período. No ano final do primeiro mandato, por exemplo, o gasto foi de R$ 92 milhões.
FONTE - GAZETA DO POVO

ATENÇÃO LIDIANÓPOLIS.

PARADA DO CAFÉ
A imagem pode conter: texto
Às margens da PR-466, KM 95, próximo ao Monte Alto, está localizado o estabelecimento comercial "PARADA DO CAFÉ". Uma casa colonial que apresenta vários produtos, tais como 'custelinha' defumada, salame, ambos de porco caipira; vinhos; queijos tradicionais e temperados; doces de leite e doce de mamão caseiros, além do tradicional café e pão de queijo. Esperamos a sua visita!.A imagem pode conter: xícara de café e comida

VEJA O MOMENTO EM QUE O PM MATA O ATLETA.

É NOTÍCIA.



Prostituta é presa após tentar transferir R$ 190 mil da conta de servidora do STJ.
Policiais recuperaram parte do dinheiro sacado e pertences de Daniele Matos (Foto: Paula Resende/ G1)
A prostituta Daniele Silva Matos, de 31 anos, foi presa na segunda-feira (18) após sacar R$ 4 mil e tentar transferir mais R$ 190 mil da conta de uma servidora do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Segundo a Polícia Civil, ela levantou informações da correntista na internet e usou da beleza para aplicar o golpe.
"Usava sempre o jeitinho. Primeiro, chegava bem vestida. Segundo, portando algum dado que identificasse a correntista. Então o que ela fez foi criar uma história simples para convencer a atendente. Ela tem lábia", disse a delegada responsável pelo caso, Mayana Rezende, da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic).
Natural de Salvador, na Bahia, Daniele disse aos policiais que mora em Belo Horizonte e veio a Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital, exclusivamente para concluir o golpe. Como a vítima era de Brasília, a estelionatária pensou que levantaria menos suspeitas em sacar o dinheiro numa cidade mais próxima.
Daniele estava hospedada na casa de uma amiga. A delegada informou que não há indícios da participação dela no crime.
Planejamento
Inicialmente, a mulher fez buscas na internet para escolher um alvo com poder aquisitivo.Depois, também pela internet, Daniele levantou números de documentos pessoais da correntista. “Pela internet, ela conseguiu um termo de exoneração que constava RG e CPF. Depois disso, conseguiu falsificar o RG no nome da pessoa”, relatou.
Após todo o levantamento, Daniele foi a uma agência de Aparecida de Goiânia em busca de dados da conta da vítima para que pudesse solicitar um novo cartão.
“Ela foi até a instituição bancária dizendo que precisava fazer um depósito urgente e que estava sem os dados do cartão. Ela perguntou ao atendente: ‘Se eu te passar o CPF e o RG, você consegue pegar o número de agência e conta?'. Ele disse que sim e, a partir disso, solicitou um novo cartão e alterou o endereço de entrega”, relatou a delegada.De acordo com os investigadores, a estelionatária solicitou o cartão no dia 8 de setembro. No dia 13, ela o recebeu e conseguiu alterar a senha.

LONDRINA.



Polícia Civil faz operação contra falsificação de cigarros e prende cantor sertanejo.
Cantor Rafael foi preso na manhã desta quarta-feira, em Londrina  (Foto: Divulgação)Um cantor sertanejo Rafael Francisco Frare de Siqueira, da dupla Fábio e Rafael, foi preso na manhã desta quarta-feira (20) pela Polícia Civil em uma operação contra falsificação de cigarros. Ele foi detido em um prédio de luxo em Londrina, no norte do Paraná. O ônibus da dupla foi apreendido durante a operação.
Os crimes investigados na operação são organização criminosa, lavagem de dinheiro e crimes contra a saúde pública. De acordo com a polícia, até as 12h, 13 pessoas foram presas; outras três são procuradas.
O advogado Fernando Buono, que representa Rafael, disse que não vai se manifestar até ter acesso aos autos.
Ao todo, 35 mandados judiciais estão sendo cumpridos em cidades do Paraná, São Paulo, Minas Gerais e Bahia. Do total de ordens judiciais, 16 são de prisão e 19 são de busca e apreensão. A ação foi batizada de "Operação Sem Filtro".A Polícia Civil pediu o sequestro de R$ R$ 6,5 milhões dos bens do suspeito de chefiar a quadrilha e de 19 veículos utilizados pela organização criminosa.
A Justiça determinou o bloqueio de seis contas bancárias, sendo duas delas pertencentes a empresas, ainda de acordo com a Polícia Civil.
Entre os locais onde estão sendo cumpridos os mandados de busca e apreensão estão duas fábricas de cigarro, gráficas, residência dos investigados e uma empresa utilizada para lavagem de dinheiro.

ACONTECEU.



Jovem que matou ex no ato sexual é agredida por outra detenta em presídio.
Resultado de imagem para Vania Basílio RochaA jovem Vania Basílio Rocha, condenada por matar o ex-namoradoa facadas no ato sexual, foi agredida por outra presa na terça-feira (19). O caso aconteceu no presídio feminino de Vilhena (RO), a 700 quilômetros de Porto Velho. O motivo da agressão ainda não foi esclarecido.
Segundo a direção da unidade, Vania estava no banho de sol quando outra presa a atingiu por trás com socos. Em seguida, Vania caiu no chão e machucou os joelhos. A detenta agressora tem 39 anos, também cumpre pena por homicídio e não é da mesma cela de Vania.
"A agressão foi flagrada pelas agentes penitenciárias. O motivo ainda não foi esclarecido", explica o diretor da unidade, Alexsandro Pereira.
Após a agressão, Vania pediu para registrar o caso na Polícia Civil. Ela foi levada para a delegacia, mas o sistema para o registro de boletins de ocorrência não estava funcionando. Segundo o presídio, Vania será conduzida novamente à unidade na quarta-feira (20).
Conforme o diretor, o presídio feminino irá instaurar um Processo Administrativo Disciplinar (PAD) para que, além de apurar as causas da agressão, seja efetuada uma punição adequada à presa autora do delito. A conclusão do processo deve ser emitida em 30 dias e será encaminhado ao judiciário.
Atualmente, Vania está em uma cela com mais sete presas. “Ela apresenta comportamento normal. Estuda, participa de cursos e faz tratamento psiquiátrico”, enfatiza o diretor.
Questionada sobre a falta de sistema na delegacia de Vilhena, a Polícia Civil afirma que irá averiguar os motivos da falha.

REGIÃO.

Mais de mil queijos foram apreendidos em Lunardelli


O produto era transportado em uma caminhoneta de luxo, mas sem as devidas especificações 
   Nesta quarta-feira, dia 20 de setembro, de 2017,  a Vigilância Sanitária e a Polícia Militar de Lunardelli, enfatuaram  a apreensão de mais de mil queijos que eram transportados em uma Caminhoneta de luxo, devendo passar dos 600 quilos. Segundo informações, os responsáveis pelo transporte e venda do produto no perímetro urbano, seriam de São Paulo, e não estavam com a devida documentação que comprova  a origem,  qualidade e segurança dos queijos que eram transportados em uma Hilux.  Em contato com o responsável pela vigilância e PM, os órgãos informaram que estavam ainda fazendo as devidas notificações e somente mais  à tarde, divulgariam os detalhes.  (Colaborou Emerson Silva) Berimbau

VEJA ESSA NOTÍCIA.



PM fingiu ser namorada para marcar encontro e matar atleta.
Matheus (esq.) foi morto pelo policial Jarbas (dir.) em São Vicente, SP (Foto: Arquivo Pessoal)
O atleta Matheus Garcia Vasconcelos Alves, de 24 anos, foi morto pelo policial militar Jarbas Colferai Neto, de 23, em uma emboscada em São Vicente, no litoral de São Paulo. Segundo a investigação, o atirador atraiu o jovem para o local ao se passar pela namorada e marcar um encontro com a vítima. O PM tinha ciúmes da garota, que matinha contato com Matheus. Câmeras de monitoramento gravaram a ação.
O jovem morreu após ser baleado na nuca, na noite de segunda-feira (18). Ele foi encontrado ainda com vida na Rua Nicolau Guirão Perez, no Centro da cidade. Matheus morreu a caminho do Hospital Municipal. Na mão dele, havia um carregador de celular, mas o aparelho não foi encontrado pela polícia na ocasião.
Imagens de câmeras de monitoramento de imóveis localizados na rua mostram quando Matheus chega ao local em um carro, conduzido por um motorista de um aplicativo. Após a saída do veículo, o soldado o aborda, arranca o celular da mão dele, o faz virar de costas, colocar as mãos na cabeça, ajoelhar e, em seguida, atira na nuca do atleta.A gravação foi divulgada pela polícia e ajudou os investigadores a identificarem o soldado, após mais de 12 horas de buscas e diligências depois do crime. A hipótese de latrocínio, quando há roubo seguido de morte, foi inicialmente cogitada, mas descartada depois que os policiais civis localizaram mensagens que antecederam a ação.
Segundo a polícia, Matheus acreditava ter marcado um encontro com a namorada do soldado, que se passou pela jovem durante uma conversa que ambos mantinham em um aplicativo. Os dois iriam se ver em uma rua onde não há intenso fluxo de pessoas, que poderiam flagrar a ação. Para a polícia, o atleta foi vítima de emboscada.
Segundo a Polícia Militar, Jarbas é formado pelo Curso Superior de Soldados em 2016 e está lotado no 39º Batalhão da Polícia Militar, em São Vicente, "porém, não exercia atividades operacionais, estando apenas com atribuições do serviço administrativo, por responder a Processo Administrativo Exoneratório, desde o final do ano passado".
A Justiça determinou a prisão temporária (com duração de cinco dias) do soldado, e ele foi transferido, na noite de terça-feira (19), ao Presídio Romão Gomes, na capital paulista.

ACIDENTE

Veículo de São João do Ivaí, foge de acidente e causa outro com mais 3 veículos em Maringá.



O motorista de um Mercedes-Benz,  com placa de São João do Ivaí, havia se envolvido em um primeiro acidente de poucas avarias na proximidade do viaduto da av Tuiuti Zona Norte da cidade, quando resvalou em um GM Corsa,  no final da tarde deste domingo (17) em Maringá.
O motorista da Mercedes não parou e foi seguido pelo motorista do Corsa até o final do anel viário Sincler Sambatti (Contorno Sul) na rotatória de acesso a rodovia PR 317. O motorista da Mercedes perdeu o controle da direção e colidiu na traseira de um Celta, placa de Toledo, com o impacto o Celta bateu em mais dois veículos, uma Meriva e um Astra, os três veículos atingidos retornavam de um casamento no estado de São Paulo, todos os ocupantes são familiares.
O caso mais grave de vítimas foi constatado no Celta, que estava com três pessoas, uma delas ficou presa às ferragens e necessitou do auxilio do Corpo de Bombeiros para ser retirada. Duas mulheres foram socorridas em estado mais grave para hospitais em Maringá. Testemunhas disseram aos policiais da PRE, que o motorista tinha sinais de embriaguez, um princípio de confusão aconteceu quando populares tentaram linchá-lo, sendo necessário a intervenção dos patrulheiros que o colocaram em segurança no interior da viatura. 

ACONTECEU.



Mulher mata vizinha e criança de 4 anos a facadas em Perobal.
Resultado de imagem para MULHER MATA VIZINHA E CRIANÇA EM PEROBALUma mulher de 38 anos matou a facadas uma vizinha e o filho dela, de 4 anos, na tarde desta terça-feira (19), em Perobal, no noroeste do Paraná, conforme a Polícia Militar (PM).
O crime ocorreu na zona rural do município, na Estrada Vermelha, que fica há sete quilômetros da PR-323, na região de Umuarama, também no noroeste do Paraná. Segundo a polícia, elas trabalhavam e moravam na mesma propriedade.
De acordo com a PM, a mulher confessou o crime e disse que não gostava do marido da vítima. Por isso, segundo a polícia, ela afirmou ter levantado disposta à matar o homem.
A mulher ainda disse à polícia que amolou a faca e foi até a casa da família. Chegando no local, o marido da vizinha não estava, então ela contou aos policiais que desferiu várias facadas na mulher e na criança de 4 anos.
Outro filho da vítima, de 1 ano, estava na casa, mas nada sofreu, informou a PM.

BORRAZÓPOLIS

Homem encontrado morto na cidade de Borrazópolis

A vítima estava deitada sobre a cama e a princípio não havia sinais de violência 

Um homem de nome José Antônio, que morava sozinho na Rua Ponta Porã, uma via sem asfalto que fica paralela e abaixo da Rua Ceará, perímetro urbano de Borrazópolis, já fazendo divisa com o Sítio Dona Sofia, foi encontrado morto nesta quarta-feira, dia 20 de setembro, de 2017. Segundo informações, moradores perceberam que ele não abria a casa e acionaram a Polícia Militar. No local, os soldados Dario e Ivan, juntamente com a enfermeira Juliana e o motorista Luiz, constataram que a vítima estava deitada, com a caça aberta exibindo os órgãos genitais, mas a princípio, sem marcas de violência. Foi acionada a Polícia Civil, que vai apurar o que realmente aconteceu e atestar se a morte foi natural ou por alguma ato de violência. Em breve, mais detalhes. Berimbau

PARANÁ.



Suspeito de contrabandear cigarro morre durante troca de tiros com a polícia.
Policiais apreenderam 808 caixas de cigarro contrabandeado (Foto: Divulgação/Bope)
Um homem suspeito de contrabando de cigarro morreu durante uma troca de tiros com o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, na noite de terça-feira (19).
De acordo com o Bope, uma equipe do batalhão recebeu a informação de que uma casa – na Rua Pedro Berlesi, no bairro Canguiri – abrigava uma carga de cigarros contrabandeados. Assim que os policiais chegaram ao local, conforme o Bope, um homem começou a atirar.
O suspeito pulou muros para tentar fugir, mas foi impedido. Na troca de tiros, ele foi baleado e acabou morrendo no local, segundo o Bope. O homem tinha 31 anos.
O Bope apreendeu, dentro da residência, 808 caixas de cigarro contrabandeado, uma pistola e um carregador.

BOM SUCESSO

Ônibus Lilás virá a Bom Sucesso através do Cras

        
O CRAS - Centro de Referência da Assistência Social de Bom Sucesso em parceria com Escritório Regional da Secretaria da Família e Desenvolvimento Social de Apucarana, convida todas as Mulheres para prestigiar a unidade móvel denominada Ônibus Lilás que estará no município na próxima terça-feira, 26 de setembro.   A unidade móvel denominado Ônibus Lilás é um projeto do governo federal que passa nos municípios para tratar as questões de violência contra a mulher.  As atividades terão início às 8h30min e encerraremos às 11h30min na Praça Padre Ângelo Casa Grande em frente a Igreja Matriz.  Também serão realizados atendimentos psicológicos e sociais, orientações jurídicas e outras orientações pertinentes, pelas profissionais do Serviço de Proteção e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos (PAEFI). Os profissionais do CRAS estarão com uma barraca para orientar sobre os tipos de violências e palestra sobre o tema.   Em parceria com a Secretaria de Saúde, haverá barraca da saúde com teste rápido e sinais vitais.   Acontecerão atividades culturais com apresentações artísticas, exposição de trabalhos manuais dos pacientes atendidos pelo CAPS e artesanatos confeccionados pelas mulheres grupo da melhor idade. Além disso, as mulheres contarão com os serviços de Esmaltação de unhas, Tranças e coques em cabelos e Maquiagem básica.   Por meio do ônibus lilás, as mulheres conhecerão os tipos de violência, assim como a Lei Maria da Penha, o disque 180 e ainda as profissionais que atuam no município e nas políticas públicas que podem defendê-las.
v

IVAIPORÃ

Ivaiporã entrega equipamentos ao Hospital Municipal

           
A direção do Hospital Municipal recebeu 36 equipamentos da Prefeitura de Ivaiporã, os quais foram entregues pelo prefeito Miguel Amaral e pelo diretor do Departamento Municipal de Saúde, Claudeney Martins, na quarta-feira, dia 13 de setembro. A entrega foi feita à diretora administrativa Edileusa Galvão e acompanhada pelo diretor de Recursos Humanos da Prefeitura, Claudemício Brasil.   Foram entregues aparelhos de ar-condicionado, biombos, cadeiras, camas hospitalares, computador, impressora, mesas de exames, reunião, computador e mesa para impressora, micro-ondas, nobreak, refrigerador e sofás-camas.   Edileusa Galvão agradeceu ao prefeito Miguel Amaral e garantiu que os equipamentos são de grande utilidade uma vez que suprem algumas necessidades.  Ao Governo do Estado, o prefeito Miguel Amaral oficializa constantemente pedidos importantes em prol do município e da população. “Qualquer equipamento destinado às unidades básicas de saúde, que melhora a vida das pessoas, é benéfico. Por isso, a administração investe no atendimento da população comprando equipamentos e contratando profissionais para a área da saúde”, declarou.  O prefeito reconheceu que qualquer aplicação na área da saúde é pouca. Mas, para suprir outras carências, aguarda a ordem de serviços para construção do Hospital Regional, em Ivaiporã, onde serão investidos R$33,8 milhões. A vencedora foi a Construtora Guetter (Curitiba).     Investimentos totalizam R$600 mil    -  Em junho, a Prefeitura de Ivaiporã iniciou a entrega de equipamentos – totalizando R$600 mil em investimentos, os quais beneficiam as Unidades de Saúde Nova Porã, São Luiz, João XXIII, Jacutinga, Monte Castelo, Clínica da Mulher, Santa Bárbara, Alto Porã, Pronto Atendimento (Hospital Municipal) e Posto Central.   O primeiro beneficiado foi o Caps (Centro de Atenção Psicossocial), onde foram entregues, em junho, ar condicionado, armários, balança antropométrica, cadeiras, computador, estantes, máquinas de costura, mesas de escritório, mesa de exame e mesa de computador, somando 22 equipamentos.  Em agosto, a Prefeitura entregou equipamentos a Unidade Básica de Saúde da Vila Nova Porã, que recebeu ar-condicionado, balança antrométrica, bebedouros, cadeiras, impressoras, longarinas, mesas de escritório, exame e de impressora, micro-ondas, ventiladores, armários, arquivo, balde a pedal para lixeira, computador, escada com 2 degraus e estantes.   (Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Ivaiporã/Lúcia Lima)

É NOTICIA

Câmara rejeita distritão para 2018

A Câmara dos Deputados rejeitou, na noite desta terça-feira, 19, o chamado ‘distritão’ como modelo de transição em 2018 e 2020, para o sistema distrital misto em 2022. Para começar a valer, a proposta precisava de 308 votos, mas só teve 205 favoráveis e 238 contrários. As informações são do Estadão. O próximo ponto a ser analisado pelo deputados é a criação de um fundo eleitoral público. O valor fixado inicialmente, na proposta de Vicente Cândido (PT-SP), de R$ 3,6 bilhões, foi derrubado em uma votação anterior na Casa, mas não foi analisado o mérito do fundo. O modelo determina que serão eleitos para o Legislativo os candidatos com mais votos em cada Estado, como ocorre hoje para a eleição de senadores e dos cargos do Executivo, como prefeitos, governadores e presidente. Hoje, funciona o modelo de sistema proporcional, em que os eleitos são definidos a partir da soma do número de votos de todos os candidatos e da legenda. O quociente eleitoral é resultado da divisão do número de votos pelo número de assentos a preencher. A Proposta de Emenda à Constituição que prevê o distritão e a criação de um fundo público eleitoral, de relatoria do deputado Vicente Cândido (PT-SP), foi aprovada na comissão especial no fim de agosto. Desde então, lideranças buscavam consenso acerca das propostas. A PEC chegou a ir para votação no plenário mais de uma vez, mas foi adiada, por falta de consenso.

TRAGÉDIA

Duas pessoas morrem em acidente na BR-463, em Ponta Porã

Colisão aconteceu na tarde desta terça-feira (19).


Dois morrem em acidente na BR-463 (Foto: Carlos da Cruz/ TV Morena)Dois morrem em acidente na BR-463 (Foto: Carlos da Cruz/ TV Morena)
Duas pessoas morreram em um acidente na BR-463, na tarde desta terça-feira (19), em Ponta Porã, região sul de Mato Grosso do Sul, segundo o Corpo e Bombeiros. A colisão aconteceu a cerca de 15 quilômetros da entrada da cidade.
Uma carreta e carros de passeio se envolveram na batida. Ainda não há informações sobre as causas do acidente.

Dispositivo não suportado.
Infelizmente, não foi possível encontrar um vídeo compatível com o seu dispositivo.
Dois morrem em acidente entre carro e caminhão em rodovia de MS
Segundo os socorristas, o motorista da carreta não respeitou a sinalização de parada e atingiu três carros que aguardavam a liberação da pista, já que o trecho está em obras. Os motoristas dos dois carros que foram mais atingidos morreram e o motorista do caminhão não se feriu.
Equipes do Corpo de Bombeiros e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) foram ao local do acidente.
Dois morrem em acidente na BR-463 (Foto: Carlos da Cruz/ TV Morena)Dois morrem em acidente na BR-463 (Foto: Carlos da Cruz/ TV Morena)