sábado, 5 de agosto de 2017

AMUVI

Após reunião em Ivaiporã, Racha na Amuvi é inevitável

Conforme, havia sido divulgado em primeira mão pelo Blog do Berimbau, prefeitos reunidos em Ivaiporã, decidiram criar uma nova associação de municípios


ENTREVISTAS - No link de vídeo, ouça a fala de Miguel Amaral, concluindo o encontro e também a fala do Dep Artagão Junior, Dep Traiano e  outros prefeitos 
    A AMUVI - Associação dos Municípios do Vale do Ivaí, vai sofrer uma perda importante, mais de 10 dos seus prefeitos, devem deixar a entidade para formar uma nova associação com base em Ivaiporã. Atualmente são 26 prefeitos na AMUVI, mas após a eleição de Beto Preto, prefeito de Apucarana, como presidente, começou um movimento propondo um suposto racha, principalmente aqueles que apostavam na vitória de Fábio Hidek de São João do Ivaí. O prefeito Miguel Amaral, de Ivaiporã, amenizou a polêmica dizendo que não é uma divisão e nem um racha, e sim o nascimento de uma nova organização de prefeitos, que vai fortalecer ainda mais a região. Ele propôs que a cada 90 dias, as reuniões sejam entre as três associações: AMUVI, AMOCENTRO e a nova associação. "Desta forma, acredito eu que podemos reunir, a cada 90 dias, sessenta prefeitos e realizar grandes eventos", disse Miguel Amaral, em entrevista a Sérgio Oliveira, da Rádio Nova Era. Além dos prefeitos da AMUVI também ha possibilidade da vinda de prefeitos do centro do Paraná, como Nova Tebas e Manoel Ribas.  POLÊMICA -  A declaração mais polêmica, foi do prefeito Ylson Cantagallo, de Faxinal, que não amenizou o tom e afirmou que estava descontente com a AMUVI, que em 8 meses do novo mandato e fez apenas três reuniões. Citou também o episódio da eleição de Beto Preto, que só ocorreu porque  houve uma traição e o acusou  de legislar em causa própria. As declarações foram direcionadas a Junior Femac, vice-prefeito de Apucarana, que estava presente.  PRESENÇAS - O encontro também contou com a presença do Deputado e Secretário de Estado Artagão Junior,  que estava presente, disse que qualquer que fosse a decisão dos prefeitos, ele apoiaria e que vai continuar trazendo obras para os municípios, como por exemplo o Hospital Regional de Ivaiporã, de 33 milhões de reais.  Ademar Traiano, deputado estadual e presidente das Assembleia; Valdir Rossoni, que comanda a Casa Civil do Governador Beto Richa e o deputado Alexandre Curi, também marcaram presença. Segundo informações,  cerca de 15 prefeitos marcaram presença ou mandaram representantes, entre eles: Lunardelli; Lidianópolis, Borrazópolis, Ariranha, Arapuã, Ivaiporã, Nova Tebas, Manoel Ribas, Jardim Alegre, Cruzmaltina, Mauá da Serra, São João do Ivaí, Faxinal, Bom Sucesso, Cândido de Abreu e Godoy Moreira. No link de vídeo, ouça mais detalhes e a fala de outros prefeitos e deputados, sobre o que acham da nova associação.   (Fotos de Lucia Lima, assessora de imprensa da Prefeitura Municipal) Berimbau

Nenhum comentário:

Postar um comentário

o