sexta-feira, 21 de julho de 2017

SETOR POLICIAL

Motorista do aplicativo Uber é assassinado no Paraná

Um motorista do aplicativo de transporte de passageiros Uber foi encontrado morto na Estrada da Ratada, no Jardim Esmeralda, em Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba. A Polícia Militar (PM) encontrou o corpo do homem de 37 anos em um matagal, em uma estrada de terra, na manhã de quarta-feira (19). O carro da vítima estava a cerca de 1,5 km de distância. De acordo com a Delegacia de Campo Largo, o motorista da Uber estava desaparecido desde a noite de terça (18). Ele foi enforcado, segundo a Polícia Civil, com um cadarço e tinha vários hematomas e cortes no rosto, provocados por socos. O corpo dele foi arrastado e jogado em um barranco. As investigações apontam que o veículo foi usado para praticar diversos roubos na região entre a noite de terça-feira e a manhã de quarta-feira. Sete testemunhas já prestaram depoimento. Elas são mulheres que estavam em pontos de ônibus e que foram vítimas de assaltos, por volta das 5h, em que os criminosos usaram o automóvel. A polícia acredita que, com o rastreamento da Uber, consiga ajudar a elucidar o crime, considerado latrocínio com ocultação de cadáver. Vestígios encontrados no carro – que foi levado para o pátio da delegacia – foram recolhidos e também podem ajudar na investigação. Ainda segundo a Polícia Civil, o motorista da Uber trabalhou até as 23h, quando ligou à esposa, dizendo que jantaria em casa. Esse foi o último contato do homem com a família. Depois, a esposa não conseguiu mais retorno. Ela achava que o marido estivesse trabalhando, ocupado. A expectativa da Polícia Civil é de que a autoria do crime seja desvendada nos próximos dias. O corpo da vítima foi velado na Capela de Campo Largo. Motoristas da Uber fizeram uma mobilização em frente à capela. O enterro está marcado para as 17h desta quinta (20), no Cemitério do Boqueirão, na capital paranaense. Fonte: G1.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

o