segunda-feira, 10 de julho de 2017

SETOR POLICIAL

Jovem leva 68 pontos após ter pescoço cortado por ex-namorada

 

Uma jovem que foi vítima de tentativa de homicídio no último dia 25 de junho foi até a Delegacia de Maringá, na manhã desta segunda-feira (10), solicitar uma medida protetiva contra a ex-namorada, que seria a autora do crime. As duas estão separadas há cinco anos, mas a jovem teve o pescoço cortado pela suspeita e levou 68 pontos. Bruna Carolina da Silva, de 20 anos, acredita que sobreviveu por um milagre. “Fiquei quatro dias em coma, foi bem difícil. Passei tanta coisa”, desabafou. A ex-namorada, suspeita pelo crime, tem 19 anos e ficou dois dias presa. “Nunca pensei que ela [ex-namorada] faria isso, mas as coisas acontecem né”, disse. Acompanhada da mãe, que mora em Paiçandu, a jovem foi até a delegacia pedir uma medida protetiva contra a ex, pois tem medo que novas agressões aconteçam. Colaboração Índio Maringá/Rede Massa e Louise Fiala

Nenhum comentário:

Postar um comentário

o