quinta-feira, 8 de junho de 2017

ELEIÇÕES

Nova Fátima e Primeiro de Maio vão eleger prefeito e vice em 6 de agosto

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) definiu, nesta terça-feira (6), que a nova eleição para escolha do prefeito e do vice-prefeito de Nova Fátima e Primeiro de Maio, no norte do Paraná, será realizada em 6 de agosto.
A Corte também definiu o calendário eleitoral, com prazo até 26 de junho para apresentação de candidatos de partidos políticos ou coligações, e até 29 de junho para registro de candidaturas individuais. Veja o calendário completo no fim da reportagem.
De acordo com o TRE-PR, o comparecimento do eleitor e o atendimento às convocações para mesários são obrigatórios nas eleições suplementares.
O eleitor que deixar de comparecer às urnas deverá justificar a ausência em qualquer cartório eleitoral até 5 de outubro.
 Eleições suplementares 
Em Primeiro de Maio, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou novas eleições após manter decisão do TRE-PR que considerou inelegível Mário Casanova (PP), o candidato mais votado na eleição de outubro.
A candidatura de Casanova foi impugnada porque ele foi condenado em uma ação de improbidade administrativa e porque se filiou ao partido fora do prazo previsto em lei.
Já em Nova Fátima, o candidato mais votado, Dr. José Ali Mehanna (PSB), teve a candidatura indeferida por se enquadrar na Lei da Ficha Limpa.
Segundo o TRE-PR, os candidatos que levaram à anulação do pleito de outubro de 2016 não poderão participar da nova eleição.
Veja como fica o calendário para as novas eleições nas quatro cidades: 
19 a 23 de junho: convenções partidárias para a definição das coligações e nomes de candidatos;
26 de junho: registro das candidaturas por partidos ou coligações na zona eleitoral responsável até as 19h;
29 de junho: prazo para o registro das candidaturas individuais;
17 de julho: prazo para o Juízo Eleitoral publicar decisões relativas aos pedidos de registro de candidatura, impugnados ou não
27 de junho a 5 de agosto: propaganda de rua;
27 de junho a 3 de agosto: horário eleitoral gratuito e debates;
6 de agosto: eleições
11 de agosto, até as 19h: prazo limite para a prestação de contas das candidaturas
até 25 de agosto: diplomação dos prefeitos e vices eleitos.
do G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

o