quarta-feira, 11 de julho de 2018

PARANÁ.



Polícia encontra explosivos com grupo suspeito de participar de furto a relojoaria.
Antes de serem capturados, dois suspeitos abandonaram mochilas carregadas com munição e explosivos (Foto: Polícia Civil/Divulgação)Quatro pessoas foram presas suspeitas de envolvimento no furto a uma relojoaria no Centro de São Miguel do Iguaçu, no oeste do Paraná. O grupo foi identificado em uma propriedade rural na comunidade Santa Rita após uma denúncia anônima.
Segundo a Polícia Civil, ao chegarem ao local indicado onde havia um carro abandonado, os agentes viram duas pessoas saindo de um galpão. Antes de ser capturada, a dupla abandonou algumas mochilas carregadas com munição e explosivos.
Também foram encontrados capuzes, coletes balísticos e relógios, que de acordo com a polícia foram furtados na relojoaria.
Os policiais recolheram ainda um casaco, bastante semelhante ao usado por um dos ladrões no dia do arrombamento.
O dono da propriedade rural foi preso. É dele um carro que também pode ter sido usado na ação, conforme as investigações.
Outras sete pessoas foram levadas à delegacia para prestar esclarecimentos. Uma acabou presa.
O esquadrão antibomba da Polícia Federal foi chamado e desativou os explosivos, que foram levados para análise em Curitiba.

Nenhum comentário:

Postar um comentário