terça-feira, 4 de julho de 2017

VEJA ESSA NOTICIA

Bela e perigosa, advogada apontada como criminosa mais procurada de São Paulo é presa. VEJA FOTOS! 


A criminosa mais procurada de São Paulo, com recompensa de até R$ 50 mil oferecida em troca de informações sobre ela foi encontrada
A advogada e jornalista paulista Luana de Almeida Domingos, conhecida como Luana Don, de 32 anos, foi presa nesta terça-feira por policiais da Delegacia Especializada em Armas, Munição e Explosivos (Desarme), da Polícia Civil do Rio.

A mulher — que era a criminosa mais procurada de São Paulo, com recompensa de até R$ 50 mil oferecida em troca de informações sobre ela — foi encontrada numa casa na Rua Manoel Guerra do Amaral, em Ilha Bela, no litoral paulista. A ação contou com o apoio da Polícia Civil de São Paulo. 
A advogada  e jornalista tinha mandado de prisão preventiva pendente pelos crimes de corrupção ativa e por integrar organização criminosa.

A jornalista e advogada tinha mandado de prisão preventiva

Luana, segundo a polícia, integra o Primeiro Comando da Capital (PCC). Ela pertenceria a uma célula chamada "sintonia dos gravatas" ou "célula R", responsável por transmitir as ordens da cúpula da organização criminosa.

A acusada já foi apresentadora de uma emissora de televisão, entre os anos 2012 e 2015, e também ficou conhecida por conta de trabalhos publicitários e por fotos publicadas em redes sociais.

A polícia havia recebido informações de que ela estaria escondida no Rio nos últimos meses, por causa da proximidade do PCC com facções cariocas. Além disso, ela namora um morador de São Conrado, bairro da Zona Sul Carioca.








Fotos: Reprodução

Extra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

o