quinta-feira, 27 de julho de 2017

COMPLETOU UM MÊS.



Desaparecimento de menino em Telêmaco Borba completa um mês.
'Está complicada a falta que ele faz', lamenta a mãe do menino, Lucimara Santos Machado (Foto: Arquivo pessoal)
O desaparecimento de Luís Felipe dos Santos Machado, de 2 anos e 10 meses, completa um mês nesta quinta-feira (27). Ele sumiu da frente de casa na Vila São Luiz, em Telêmaco Borba, na região dos Campos Gerais do Paraná.
A mãe, Lucimara Santos Machado, relata que não há pista alguma sobre o paradeiro do filho. "Tem sido bem difícil, está complicada a falta que ele faz. Cada dia que passa, a angústia aumenta. A nossa esperança está em Deus", afirma Lucimara.
A família deixou de fazer buscas por conta própria na região, mas continua espalhando cartazes na tentativa de que alguém tenha informações sobre a criança. "A gente está fazendo o que pode, que é pedir para Deus e continuar orando", conta a mãe.Ainda de acordo com ela, todas as informações que chegaram sobre o sumiço eram falsas, como a de que Luís Felipe tinha sido visto dentro de uma caminhonete. A polícia também checou o boato que dizia que o menino havia sido levado por um barbeiro de Sapopema, no norte do estado.
O delegado Nilson Rodrigues da Silva, de Telêmaco Borba, confirma que, por enquanto, não há nada de concreto sobre o sumiço.
"Não temos nenhuma novidade quanto à localização do Luís Felipe. Toda informação que chega, a gente checa. Também temos ouvido muitas pessoas e nada. É uma incógnita. O que posso garantir é que não faltou e não está faltando empenho por parte da polícia em achá-lo", afirma.
Os investigadores do Serviço de Investigação de Crianças Desaparecidas (Sicride), que chegaram de Curitiba à cidade um dia depois do desaparecimento, também continuam em Telêmaco Borba trabalhando.
Em todo o Paraná, o Sicride investiga o desaparecimento de outras cinco crianças, além de Luís Felipe. Um dos casos é o de Stefani Vitória Rochinski, que desapareceu em Porto Amazonas, em 2012. À época, ela tinha 10 anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

o