terça-feira, 20 de junho de 2017

APREENSÃO

Anfetamina é apreendida em apartamento no Jd. Aclimação


Policiais do Departamento de Antitóxico da 9ª Subdivisão Policial (SDP) de Maringá apreenderam anfetamina em um apartamento situado na Avenida Guedner, no Jardim Aclimação, zona leste da cidade, no fim da manhã desta segunda-feira (19). O morador do apartamento, um jovem de 24 anos, foi levado para a delegacia. A droga foi localizada em cumprimento a um mandado de busca e apreensão expedido pela 2ª Vara Criminal de Maringá. A suspeita era de que o apartamento era ponto de tráfico de drogas. De acordo com o delegado titular do Departamento de Antitóxicos, Luiz Alves, no local foram apreendidas 716 gramas de cristais de anfetamina, a maior quantidade já apreendida no Noroeste do Estado. A droga tinha duas colorações e foi submetida a um teste feito pela Polícia Federal, que constatou ser anfetamina. No apartamento do jovem, ainda foram apreendidos comprimidos anabolizantes, anestésicos e outros medicamentos, além de dois blocos de receituário médico – um no nome de um médico de Novo Progresso, no Pará, e outro da Secretaria Municipal de Saúde da mesma cidade. No carro do suspeito, um Hyundai Veloster, havia R$ 1,5 mil escondidos no forro do teto. O jovem, estudante de medicina, foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, sendo levado à delegacia para esclarecimentos. Em depoimento, ele contou que comprou a drog da China pela internet e não sabia que o produto era proibido, já que o recebeu normalmente, como qualquer produto. Ele o utilizava para acelerar o desenvolvimento muscular. O jovem contou que até ficou assustado com a grande quantidade de anfetamina que recebeu e que não sabia o que fazer. O suspeito afirmou que nunca vendeu nem ofereceu o entorpecente para ninguém. Sobre o dinheiro escondido no carro, ele contou que foi a mãe dele que sacou para ele. Já os receituários são do pai dele, que é médico. O jovem ficará à disposição da Justiça e deve ser ouvido na próxima audiência de custódia. Foto: André Almenara/O Diário

Nenhum comentário:

Postar um comentário

o