terça-feira, 16 de maio de 2017

ATENÇÃO.



Saúde confirma primeiro caso de morte por gripe H3N2 em Foz do Iguaçu.

Resultado de imagem para H3N2
Secretaria de Saúde de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, confirmou nesta terça-feira (16) o primeiro caso de morte por gripe H3N2 em 2017. A vítima é um homem de 93 anos que não havia tomado a vacina contra a doença. Em 2016, foram registradas 27 mortes por H1N1 na cidade.
De acordo com a responsável pelo Programa de Imunização do Município, Adriana Izuka, este é um tipo comum de gripe nesta época do ano, mas que pode se agravar dependendo das condições de saúde do paciente.
“A H3N2 é um tipo de influenza A, às vezes circula mais H1N1 e às vezes mais H3N2, que é o vírus predominante este ano”, comentou.
Os tipos de vírus que circulam no município são medidos pela unidade sentinela. “A unidade observa as coletas das pessoas com síndrome gripal. São coletadas amostras em cinco pessoas aleatórias por semana, para saber qual vírus em circulação no município e esse ano está mais H3N2”, completou.
Créditos: G1.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

o